sábado, 5 de fevereiro de 2011

"DEFICIÊNCIA DA ALMA" - BLOGAGEM COLETIVA

A Vitrine de Sonhos  participa desta Blogagem, Coletiva proposta pela  Aleska do Diários de Bordo e Pandora do Caixa de Pandora que aborda sobre um tema muito importante e que deve ser visto pela sociedade de uma forma de luta pela igualdade entre todos os seres humanos. 



Deficiências

"Deficiente" é aquele que não consegue modificar sua vida, aceitando as imposições de outras pessoas ou da sociedade em que vive, sem ter consciência de que é dono do seu destino.

"Louco" é quem não procura ser feliz com o que possui.

"Cego" é aquele que não vê seu próximo morrer de frio, de fome, de miséria, e só têm olhos para seus míseros problemas e pequenas dores.

"Surdo" é aquele que não tem tempo de ouvir um desabafo de um amigo, ou o apelo de um irmão. Pois está sempre apressado para o trabalho e quer garantir seus tostões no fim do mês.

"Mudo" é aquele que não consegue falar o que sente e se esconde por trás da máscara da hipocrisia.

"Paralítico" é quem não consegue andar na direção daqueles que precisam de sua ajuda.

"Diabético" é quem não consegue ser doce.

"Anão" é quem não sabe deixar o amor crescer.

E, finalmente, a pior das deficiências é ser miserável, pois:
"Miseráveis" são todos que não conseguem enxergar a grandeza de Deus.

"A amizade é um amor que nunca morre."

(Mário Quintana)



Pesquisas no google

11 comentários:

  1. Pocha, vc gosta de nos emocionar néh Irene, segunda vez que vc com arte me emociona hoje!!! Obrigada!!! Parabéns!!! Linda escolha a sua, lindos poemas!!!

    Una vez mais obrigada!!!

    ResponderExcluir
  2. Mais que lindo esses poema, é antes uma grande lição a ser realizada e uma orção a ser repetida.
    Que assim seja!

    Parabens!

    Um grande beijo.

    ResponderExcluir
  3. Também acrdito nessa teoria de deficiência na alma, acho até que aqueles mais preconceituosos é que tem deficiência em humanidade. Muito obrigada por ter participado! Um abraço grande e caloroso!beijos.

    ResponderExcluir
  4. Bom dia,Irene!!

    Lindo post, uma lição de vida!!
    Me emocionou profundamente!!
    Força,caráter e persistência!

    Beijos
    Boa semana!

    ResponderExcluir
  5. =o) Lindooooooo...

    Beijinhos com carinho

    Vane Aguiar
    www.cabiveiseincabiveis.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. querida irene,deficiente é aquele que nÃO CONSEGUE DEMONSTRAR AMOR POR SEUS SEMELHANTES,QUE TEM UMA VIDA ,VAZIA
    SEM ESTENDER A MÃO,EM BUSCA DE UMA PESSOA AMIGA,A CEGUEIRA DA IGNORANCIA NÃO LHE PERMITE VER NADA ALEM DO PROPRIO HUMBIGO,ESTE É DIGNO DE PENA
    É INVALIDO DE BONS SENTIMENTOS
    UM ABRAÇO QUERIDA MUITO LINDA SUA POST,,MARLENE

    ResponderExcluir
  7. Irene, temos algo em comum, gostamos de conhecer pessoas, por esse motivo estou aqui, quero poder conhece-la melhor, adorei os os textos postados, sou fã número zero de Mário Quintana.
    Quando puder vá me fazer uma visita, ja estou te seguindo, para voltar mais vezes.
    beijos e carinhos

    ResponderExcluir
  8. Queridaaaa, me ajuda? rsrs... Tem uma enquete la no blog? Será que poderia votar por favor?? Obrigadaa... Beijossss.

    ResponderExcluir
  9. Olá amiga gostei muito do seu blog e a partir de hoje passo a segui-lo. Estas são as deficiências humanas dificeis de entender. Vivemos em um mundo que o descaso tem lugar cativo, infelizmente. Mas mesmo assim, creio ser possível, em estado de consciencia, percebê-las. Esta, creio eu, ser a maior conquista do ser humano. Um bom dia e um grande abraço para ti.

    ResponderExcluir
  10. Olá Irene,

    Bem colocadas as suas definições: definitivamente eu sou normal. Não me encaixei Graças a Deus em nenhuma hipótese colocada.

    Não tenho preconceito, cultivo as boas amizadas, respeito as limitações alheias, se não puder ajudar também não estrago, e principalmente não sou perverso.

    E olha que fui criado praticamente sozinho, meu pai morreu aos meus 8 anos, e minha mãe (sonia) batalhava para manter a nossa casa.

    Conquistei muitas coisas trabalhando duro, e estudando.

    abraços.

    Ricardo

    ResponderExcluir
  11. Irene
    tudo me fez pensar na minha própria deficiência.
    Ter o toc me limita, me diminui as oportunidades,
    mas quando olho dentro de mim, percebo coisas realmente muito mais graves.
    Se tenho fé?
    Menos do que eu gostaria, viu...
    talvez este seja o meu pedido de oração hoje: Senhor, aumenta a minha fé.
    obrigada pela reflexão.
    beijinho e bom dia.

    ResponderExcluir